Balanço Mostra 2009

Contabilizando…

Foram 71 filmes vistos e segue minha lista dos 10 melhores e 5 piores…

Os Melhores

O Apedrejamento de Soraya M. (EUA) – foi o “Cavalo de Duas Patas” desse ano pra mim… Uma pancada no estômago sobre o machismo na sociedade em que vivemos que ainda é latente e evidente nos países de origem islâmica… O filme é bem feito e tem uma produção americana com cara de iraniano.

Ninguém sabe dos Gatos Persas (Irã) – surpresa da mostra trouxe uma história nova, diversos ritmos de música do Irã que não tinha conhecimento, uma história de esperança e busca de sonhos numa sociedade bem reprimida… Um pouco trágico, mas eficiente…


A Ressurreição de Adam (EUA, Alemanha e Israel) – ensaio sobre a loucura e realidade traz o melhor personagem masculino dessa Mostra (na minha humilde opinião), Adam é cativante, emocionante, sem contar a brilhante interpretação de Jeff Goldblum ajudado por Willem Dafoe, o filme poderia ser apenas outro filme explorando a segunda guerra e o drama de judeus no nazismo, mas não! Traz grandes situações onde podemos enxergar o brilhantismo dentro da loucura…

Ander (Espanha) – história de um casal gay incomum numa fazenda na Espanha, Ander é um personagem que sempre esteve no armário e ficará devido sua idade e sua situação social, na história de um amor improvável numa cidade pequena o filme traz um novo tom para temática gay sem pretensões de ser um “Brokeback”, bem amarrado e é o primeiro filme que vi sem nenhum beijo entre os homens.

Lebanon (França, Alemanha, Israel e Líbano) – sem muitas apresentações o vencedor do Leão de Ouro no Festival de Veneza de 2009, todo filmado dentro de um tanque de guerra, mostra a angustia, claustrofobia, desespero, drama intenso e elevado ao cubículo onde ficamos sem ar o filme inteiro é efetivo e cruel, os atores são ótimos, fiquei impressionado com a qualidade e com a direção de Samuel Maoz.

Adam (EUA) – Adam é o nome do ano… rs … Esse filme merece estar na lista dos meus melhores, porque sem pretensão nenhuma me conquistou! Na sua relação com a vida mostrada pelo ótimo Hugh Dancy – o personagem principal que sofre de síndrome de Asperger (uma espécie de autismo muito comum entre homens adultos, sofrem de dificuldade de interação social e interpretação muito literal da linguagem), o filme é muito sincero e real no seu desenrolar e provalvemente será lançado… Eu recomendo…

Cinzas e Sangue (França) –  eu diria Tradicional e Visceral o filme de estréia de Fanny Ardant… Mas muito bonito, bem dirigido, roteiro bom, atores interessantes e novos no meu contexto… Ponto pra Fanny que nos deu o cano, mas deixou uma expectativa para seu próximo filme…

À Procura de Eric (Inglaterra) – filme de abertura, foi interessante, divertido, esperançoso e brutal, não conhecia o a figura “Cantona”… E está entre as melhores comédias-drama vistas nessa mostra.

A Fita Branca (Áustria, Alemanha, França e Itália) – uma fita pode separar o real, imoral, corrompido, da realidade de uma cidade pequena protestante da Alemanha, o filme é em P&B estética que pode cansar para alguns, mas acho que propositalmente, ele tem um efeito intenso no inconsciente ao ser visto, deixa bem claro suas intenções quanto aos acidentes que ocorrem durante sua trama, mas sem precisar revelar muita coisa… Acho um símbolo narrador importante (o professor) traz a esperança para as próximas gerações.

Making Plans for Lena (França) – o cinema francês para quem gosta de discutir o indiscutível, Lena leva o prêmio de personagem mais irritante da Mostra (interpretada pela ótima Chiara Mastroianni) por sua falta de ação na convivência diária com a família complexa, filhos e ex-marido, o filme é uma terapia para quem gosta de franceses…

Menção Honrosa para:

O Filho do Caçador de Águias; Amanhã ao Amanhecer;  Distante Nós Vamos; O Primata; Fish Tank; I Love You Phillip Morris, Zero; Do Outro Lado do Rio; A Peça da Discórdia; Coco Chanel & Igor Stravinsky; Lymelife; Corações em Conflito; Patrik Idade 1.5; Julie & Julia, Tokyo; O Aniversário; Atalhos para Hollywood; A Cozinha de Stella; Formosa Traída; O Mundo Imaginário de Dr. Parnassus; A Vida Íntima de Pippa Lee; Vencer; Abraços Partidos; Soul Kitchen; Nova York, Eu Te Amo; Ricky; Cúmplices; Eu Matei minha Mãe; A Família Wolberg; Ainda Adoráveis; Jogos do Leste;  A Pequenina; Tempo Suspenso; 500 dias com ela; Alga Doce; Amor Extremo.

Os Piores

Um Homem Feliz (Canadá, França)
Águas Verdes (Argentina)
A 40º Porta (Azerbaijão)
Los Viajes Del Vento (Colômbia)
Ashan, O Anel Encantado e outras histórias (Irã)

Enjoy

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s