Festival Indie 2008

topoPara os independentes de plantão começa hoje a 8º Edição do Festival Indie 2008 – Mostra Mundial de Cinema, com organização do Cinesesc e da Zeta Filmes, e acontecerá do dia 6 a 12 de novembro no Cinesesc.

Ingressos: R$ 6,00 (inteira), R$ 3,00 (estudante e idosos), R$ 1,50 (Trabalhador do comércio e serviços matriculados e dependentes). Informações: 11 3087-0500 | http://www.indiefestival.com.br | http://www.sescsp.org.br

O Festival está divido em

Mostra Mundial que está subdividida em duas seções:

Novos Diretores/ Novos Filmes e Première

Destaques:

“A Ameaça” (La Minaccia, 2008), sobre a vida dos venezuelanos nove anos depois do início da revolução bolivariana;

“Anywhere USA” (idem, 2008), que venceu o Prêmio Especial do júri, por possuir “espírito independente” e faz um retrato dos Estados Unidos, dividido em três segmentos: penitência, perda e ignorância;

“Atos de Violência” (Höhere Gewalt, 2007), em que conta a história de seis jovens recém-formados que decidem passar juntos um fim de semana e as tensões das relações criam um ambiente perigoso e

“Como Ser” (How To Be, 2008), sobre um músico frustrado que sofre uma crise quando completa o que acredita ser um quarto de sua vida.

Já na seção Première, estão 2 filmes em pré-estréia. O Indie adianta o lançamento dos filmes que chegarão ao circuito comercial: “Hannah Takes the Stairs” (idem, 2007), de Joe Swanberg e “Pegando Fogo” (Ça Brûle, 2006), de Clairé Simon.

Nippon Connection on Tour

O audiovisual japonês jovem e contemporâneo é a característica da programação apresentada no Nippon Connection Film Festival. São 16 obras, sendo 3 longas e 13 curtas.

Música do Underground

Dedicada aos documentários sobre música, a Mostra tem dois filmes, sendo que os dois merecem destaque. “Sonic Youth: Dormindo Noites Acordadas” (Sonic Youth: Sleeping Nights Awake, 2007). Estudantes do colegial na cidade de Reno, em Nevada, EUA, com uma câmera na mão e disposição, acompanham os bastidores do show do Sonic Youth e filmam raros depoimentos dos integrantes da banda e muita música.

“Uma Banda de Um Homem Só” (One Man in the Band, 2008), investiga a intrigante vida da banda de um homem só, que traz ao palco barulho e espetáculo vibrantes de uma banda inteira. O diretor, também um solitário, não zomba dos excessos musicais e acompanha intimamente seus personagens.

Premiers Films

São cinco cineastas estreantes vindos do sólido cinema francês.

Destaque para os filmes que estarão estreando no país:

“Tudo Perdoado” (Tout Est Pardonné, 2007), da ex-crítica da Cahiers du Cinéma,

“Mia Hansen-Love”, que foi exibido na Quinzena dos Realizadores de Cannes (2008);

“7 anos” (7 ans, 2006), de Jean-Pascal Hattu que participou de diversos festivais tais como Veneza, Roterdã, Toronto e San Francisco.

Cinema Radical: Koji Wakamatsu (Retrospectiva)

O Indie 2008 traz a São Paulo, filmes importantes da carreira de Wakamatsu:

“Secrets Behind The Wall”, um problema diplomático eclode.

“United Red Army”, um filme que resgata em mais de 3 horas – utilizando imagens de arquivo, reconstituição e ficção – um importante momento da militância terrorista no Japão.

“O Embrião Caça em Segredo” (o primeiro filme feito por sua produtora em 1966, considerado por ele um dos seus filmes favoritos);

“Go Go Second Time Virgin” (de 1969, um cult, filmado no telhado da sua produtora, com destaque para a trilha sonora);

“Êxtase dos Anjos” (de 1972, um filme provocativo e exemplar de como Wakamatsu explora sexo e radicalismo político);

“Crônicas de Bicicleta: Paisagens Que O Menino Viu” (de 2004, baseado em fatos reais).

Enjoy…

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s